Bas Dost: «Fico feliz quando consigo corresponder»

Bas Dost manifestou-se satisfeito com os golos que tem marcado pelo Sporting na liga portuguesa [já são 24], na chegada a Noordwijk, onde a seleção da Holanda está concentrada para os jogos com a Bulgária e a Itália. O avançado holandês considerou-se ainda um «privilegiado» por poder acordar com o «sol a brilhar».

«Não podia estar melhor! Todos esperam que eu marque golos e fico feliz quando consigo corresponder. O meu dever é marcar golos na liga portuguesa. Só estou a fazer o meu trabalho. Estou a marcar muitos golos esta época. Na próxima, se continuar a dar o melhor de mim, não acabo só com 12 golos de certeza», referiu antes de destacar as diferenças entre a liga portuguesa e as da Holanda e Alemanha onde também já jogou.

«É tão bom acordar e o sol estar a brilhar. Não estava acostumado a isso na Holanda e na Alemanha. Sou uma pessoa privilegiada», referiu destacando ainda o maior relaxamento dos portugueses. «Quando treinamos às 10h00 chegam todos ao balneário às 10h05 de chinelos. Na Alemanha, às 9h50 já estávamos em campo. Depois acabamos por treinar duro, mas as pessoas aqui são bem mais relaxadas», acrescentou o melhor marcador da liga portuguesa.

Autore: Maisfutebol

Bas Dost: «Fico feliz quando consigo corresponder» ultima modifica: 2017-03-20T13:14:10+00:00 da admin

Lascia un commento

Il tuo indirizzo email non sarà pubblicato. I campi obbligatori sono contrassegnati *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.

Aggiungi una immagine